RECOMENDAMOS

RECOMENDAMOS
Encontro de Casais

QUEM SOMOS

Semear é um projeto abençoado que através da palavra de Deus busca transformar vidas, restaurar casamentos e salvar famílias.
Tecnologia do Blogger.
Ocorreu um erro neste gadget

Caixa de Recados

PARA MEDITAR

“A mulher sábia edifica a sua casa, mas a insensata, com as próprias mãos, a derriba.” (Provérbios 14.1).

VIDEOTECA SEMEAR

Prova de Fogo
A Virada
A filha do Pastor

Visite-nos no ORKUT

liuanjos@hotmail.com
quarta-feira, 2 de maio de 2012

Dois cimentos no casamento - 1


Portanto, cada um de vocês também ame a sua mulher como a si mesmo. Efésios 5:33, John Gottman, depois de estudar durante vinte anos a vida de dois mil casais, escreveu o livro Por Que os Casamentos Fracassam ou Dão Certo, chegando a acertar 94% das previsões de quem iria permanecer casado ou se separar.

Ele descobriu que, independentemente do estilo de casamento que o casal adotasse, dois itens básicos estavam presentes: respeito e amor.

Mesmo que o apóstolo Paulo não fosse conselheiro matrimonial, conhecendo as diferenças no funcionamento da mente de homens e mulheres, emitiu conceitos que são confirmados hoje no relacionamento familiar. Enquanto os maridos desejam e esperam respeito, as esposas desejam e esperam amor. O pedido para o marido amar a esposa é tão forte quanto o pedido para a mulher respeitar o marido.

De que maneiras o marido pode demonstrar amor pela esposa?

1. Dividindo as responsabilidades em casa. Se os dois trabalham fora, os dois deveriam também trabalhar juntos dentro de casa.

2. Elogiando o novo look, o novo penteado, o novo vestido, a organização da casa e o prato especial.

3. Na hora de conversar, desligue a TV, feche o jornal ou revista e dê atenção completa ao que ela está falando, sem interromper.

Os homens deveriam saber também que:

1. As mulheres são protetoras, cuidam do aconchego da casa, e por isso precisam de carinho e segurança;

2. Elas procuram segurança. Por isso, ao escolher o par, elas valorizarão parceiros que demonstram cuidado na maneira como gastam o dinheiro.

3. A esposa espera receber carinho do marido e ajuda na educação dos filhos.

4. As mulheres não são tão competitivas como os homens, que dão ênfase ao ganhar. Ao brincarem juntas, as meninas minimizam qualquer hostilidade.


5. A mulher tem pouca habilidade para controlar emoções. A tendência da mulher é pensar e sentir antes de agir.

Hoje o marido poderia falar para a esposa, parafraseando 1 Coríntios 13: “Eu darei a você um amor paciente, bondoso e que permanece. Prometo para você um amor que não seja ciumento nem possessivo; que não seja orgulhoso ou egoísta; um amor que não seja rude ou sem consideração. Meu amor por você não insistirá em meus próprios caminhos, não se irritará nem se ressentirá. Não guardará uma lista de erros ou falhas, mas se regozijará quando o bem prevalecer.”


Fonte: Meditação Matinal – 11 de maio – Momentos de Graça – CPB


Dois cimentos no casamento - 2

E a mulher trate o marido com todo o respeito.Efésios 5:33
As diferenças entre homem e mulher são apenas para mostrar maneiras diferentes de pensar, sentir e agir. Nesse caso, as diferenças devem ser celebradas e colocadas lado a lado em lugar de uma contra a outra.
Em Efésios 5:21-33, encontramos uma espécie de manifesto sobre o casamento: “Homens, amem sua mulher; mulheres, respeitem seu marido.” Paulo estava falando das atitudes que os cristãos devem trazer para o casamento. O mandato dele não diz: “Respeite seu marido quando ele chegar cedo em casa ou quando for perfeito.”
Dentro do círculo familiar, o respeito deve vir acompanhado de amor. Respeito sem amor acontece na guarnição militar por causa da hierarquia; porém, não existe ali nenhuma demonstração de carinho. Marido e mulher podem até discordar em algumas coisas, como, por exemplo, sobre a educação dos filhos ou sobre como a casa está sendo dirigida; mas sempre com respeito.
A mulher deve ter em mente algumas características peculiares do homem a fim de demonstrar respeito. Os homens são competidores e “caçadores”, mas são frágeis. Ganhar, ter sucesso, superar desafios é tudo o que eles desejam. Os homens são motivados para conquista e realização. Se eles têm sucesso em uma área em particular da vida, desejarão investir tempo e energia nessa área. É por isso que eles precisam da esposa para apoiá-los. Se a esposa conquista a confiança do esposo e o anima a seguir, será de grande ajuda para ele.
Os homens são mais independentes. Desde a infância, os meninos se sentem mais livres que as meninas e escapam facilmente. Eles não gostam de se sentir vigiados ou controlados pela mulher.
Posso mostrar respeito valorizando a vontade do outro, reordenando o que quero e, por vezes, deixando de lado minha agenda e renunciando a muitas coisas pelo bem maior.
Os homens têm mais habilidade para controlar a emotividade do que as mulheres. Agem primeiro, e depois pensam. Diante do risco, tornam-se agressivos.
A mulher demonstrará respeito ao marido acreditando nele, em seus sonhos, apoiando-o permanentemente em suas decisões. E, para entender o cérebro masculino, é necessário muita paciência e amor.
Faça esta linda declaração ao seu cônjuge hoje: “Nosso amor não conhecerá limite à sua resignação, fim para sua confiança, desvanecimento em sua esperança. Nossa vida juntos terá três grandes qualidades: fé, esperança, amor. Mas a maior será o amor.”
Fonte: Meditação Matinal – 12 de maio – Momentos de Graça – CP

0 comentários:

Postar um comentário